Logo Corpus Clin
Clínica de Angiologia e Cirurgia Vascular
Tratamento de varizes e secagem de vasinhos
Clínica Lapa
11. 2305-9943 | 99883-2830
Clínica Vila Olímpia
11. 3044-5810

Varizes

Varizes são veias dilatadas e deformadas, que surgem em cerca de 20% da população adulta, sendo 70% mulheres e 30% homens.

As mulheres são mais atingidas pelas varizes devido ao hormônio estrogênio, que colabora com a dilatação da veia, além de estarem envolvidas em outros fatores que contribuem para a formação da doença, como a gestação, menstruação e menopausa.

Existem três tipos de varizes:
  • Veias Tronculares: grossas, saltadas e bem visíveis na pele.
  • Veias Reticulares: visíveis, mas não salientes, possuem coloração azulada ou esverdeada.
  • Telangiectasia: pequenas ramificações avermelhadas, também chamadas de "vasinhos".

Fatores de Risco

  • Obesidade
  • Gestantes
  • Fumantes
  • Sedentarismo
  • Hereditariedade
  • Pessoas que precisam permanecer durante muito tempo na mesma posição (sentado ou em pé)

Sintomas

  • Coceira
  • Câimbras
  • Dores nas pernas
  • Sensação de peso nas pernas
  • Queimação nas pernas e planta dos pés
  • Cansaço ou sensação de fadiga nas pernas
  • Agrupamentos de finos vasos avermelhados
  • Inchaço, especialmente nos tornozelos ao final do dia
  • Presença de veias azuladas e muito visíveis abaixo da pele

Tratamento

O tratamento envolve medidas de prevenção, medicações e tratamento cirúrgico. Os mais comuns são:

  • Cirurgia de Varizes Convencional
A cirurgia é feita com micro agulhas que removem as varizes. O procedimento é considerado simples e a recuperação do paciente dura em média de 3 a 10 dias.

  • Cirurgia de Varizes a Laser
Indicada para o tratamento de veias como a Safena, neste método as varizes não são removidas. Uma microfibra óptica é introduzida na veia doente ou na safena até o ponto que está obstruído. Usa-se o laser para remover o sangue de ponta a ponta. O período pós-operatório dura em média 2 dias.

  • Escleroterapia para Microvarizes e Vasinhos
No tratamento de escleroterapia, o médico especialista avalia o calibre da veia para aplicar medicamentos esclerosantes, que endurecem o fluxo sanguíneo da região doente. Este método é mais utilizado em vasinhos e microvarizes.